Painel produzido pelo artista digital Maurício Morais - http://mauriciomorais.blogspot.com/

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Motorização Miura 1600 e 1800 a Água


Em 1976, a linha VW viu surgir o Passat TS que se tornaria um ícone entre os esportivos nacionais. O Passat TS, diferente das demais versões, era equipado com um novo motor, com cilindrada aumentada para 1.6 e carburador de corpo duplo Solex de fabricação alemã. Logo fez sucesso e mostrava excelente desempenho, mesmo quando comparado a concorrentes de cilindrada superior e dotados de motores de 6 ou 8 cilindros. A partir da linha 1978 o motor 1.6 passou a equipar também a recém-lançada 
versão LSE.

Motor Miura MTS 79


A partir do lançamento dos modelos movidos a álcool, mesmo as versões TS e LSE foram equipadas com motor 1.5. O fato aconteceu pela impossibilidade de adaptar o carburador Solex de fabricação alemã para o uso deste combustível e isto só foi corrigido em meados de 1982, com a introdução dos carburadores de corpo duplo produzidos pela Wecarbrás. Portanto, até esta época quem quisesse uma versão TS ou LSE com motor 1.6 deveria adquirir a versão movida a gasolina. 

Motor Miura MTS 80

Motor Miura MTS 81

Diferente do que é dito popularmente e esclarecido pelo amigo Luis Felipe, esses motores 1.5 e 1.6 não recebiam a denominação MD e nem AP pela VW sendo conhecidos apenas pelas seus prefixos (BR e BS). Estas denominações surgiram apenas em setembro de 1982 (mod.83) e junho de 1985 com o lançamento do motor MD-270 e AP respectivamente. 
Motor BS 1600 - Targa 82

O motor MD-270, tembém conhecido como Motor Torque,  foi utilizado em todas as versões das linhas 1983 (MTS/Targa/Spider). Em 1984 este motor equipou todas as versões até meados daquele ano, quando a versão GTS Pointer passou a ser equipada com motor 1.8 e o motor também também foi oferecido aos clientes Miura. A introdução da linha AP aconteceu em meados de 1985. 

Motor MD-270 a álcool - Spider 83/84

A partir de junho de 1985 a VW introduz uma série de alterações em sua linha de motores, como nova árvore de manivelas e bielas mais longas, dando início a denominação AP e a versão 1.8 passa a ser conhecida como AP-800. No ano seguinte é introduzido na linha Passat o AP-800S, exclusivamente a álcool, já utilizado no Gol GT, com comando de válvulas 049G.

 Motor AP-800 - Targa 86


 A identificação do motor utilizado no Passat (Miura) se dará pela conferência da numeração na parte superior do bloco do motor, no seu lado esquerdo, junto a bomba de gasolina.

Se a numeração(codificação) começar com as letras "BS" acompanhada de seis algarismos, trata-se de um motor 1600 a gasolina, se a numeração começar com as letras "BR" acompanhada de seis algarismos , teremos um motor de 1500cc. (ambos produzidos até agosto de 1982).


Fonte: Eng. Luis Felipe Mello, Clube do Passat e Manual do Passat 80 (VW do Brasil).

Um comentário:

  1. Amigos, estou negociando um Miura Targa 1983 cujo motor não possui numeração. O carro tem excelente procedência inclusive é segundo dono possuindo o manual do proprietário original e vasta documentação comprobatória. É possível que tenha sido montado com o motor sem numeração ou provavelmente foi trocado e não remarcado? Desde já agradeço a quem puder me ajudar nesta questão pois pretendo emplaca-lo no RJ e sei que aqui essa numeração é exigida na vistoria de transferência de propriedade. Abraço

    ResponderExcluir