Painel produzido pelo artista digital Maurício Morais - http://mauriciomorais.blogspot.com/

quarta-feira, 20 de abril de 2011

A Evolução do Miura no Salão do Automóvel

Em novembro de 2010 completaram 20 anos da última participação dos Miuras no Salão do Automóvel de São Paulo, em homenagem ao empreendedorismo e sucesso dos seus fabricantes, o Miura Clube do Rio de Janeiro faz uma retrospectiva de todas as participações dos Miuras neste Salão.

X Salão do Automóvel de São Paulo – 1976



O 20° aniversário de instalação da indústria automobilística foi comemorado pelo 10° Salão do Automóvel (19 a 28 de novembro de1976), neste ano o Salão ganhou um co-patrocinador — o Sindipeças - Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores —, adquirindo sua denominação atual de Salão do Automóvel e Autopeças. Este salão ficou marcado pela estréia da Fiat Automóveis, recém instalada em Betim/MG, lançando seu Fiat 147. Os demais fabricantes mostraram apenas modificações nos modelos de linha, em geral objetivando economia de consumo de combustível e melhoria das condições de segurança, e os primeiros motores modificados para o uso do álcool hidratado. Só a Alfa Romeo mostrou novos modelos para substituir os antigos FNM: Alfa 2300 B e Alfa 2300 TI. As novidades, entre os automóveis, ficaram mesmo por conta dos fora-de-série nacionais, que apresentaram ampla gama de sugestões. O Miura amarelo safári com revestimento interno em tons derivado do amarelo que seria apresentado neste salão não ficou pronto a tempo, sendo lançado nacionalmente, junto a outro exemplar de cor prata lunar, no dia 14 de maio de 1977 em Porto Alegre/RS.



Miura amarelo safári que seria apresentado no salão.

XI Salão do Automóvel e Autopeças de São Paulo – 1978



O 11° Salão do Automóvel e Autopeças (17 a 26 de novembro de 1978) celebrou a marca dos 2 milhões de veículos fabricados no Brasil, o recorde de 980 mil visitantes e uma presença maciça de fabricantes de autopeças (17% da área ocupada, 37% das empresas expositoras). Como acontecera em 1976, as montadoras apresentaram uma certa inércia, com poucas novidades, isso abriu novamente muito espaço para os carrozzieri (fabricantes de carros fora-de-série), que atraíram o público com modelos como o Dardo F 1.3, da Corona, o primeiro esportivo com mecânica Fiat; o Ventura, esportivo de L'Automobile; e é claro o Miura, que neste neste salão lançou seu modelo MTS com a nova motorização do Passat TS, além de alterações na altura da carroceria visando um maior conforto aos passageiros.

  

  

Motor Passat TS

Assistam ao vídeo do Salão do Automóvel de 1978:



XII Salão do Automóvel de São Paulo – 1981


Denominado "Salão da Esperança", o 12° Salão do Automóvel (13 a 22 de novembro de 1981) nasceu em um período de grande crise da indústria automobilística, que festejava seu 25° aniversário. Para os quase 700 mil visitantes, as atrações ficaram por conta dos automóveis fora-de-série, das lanchas e dos veleiros e dos equipamentos para camping. E, pela primeira vez, da possibilidade de realizar compras. Apesar da crise este foi um ano marcante para a Besson&Gobbi, era lançado o modelo Targa um dos maiores sucessos da marca. O modelo trazia como inovação um chassi de aço próprio com a colocação do motor do Passat TS na frente e a tração dianteira. A fábrica levou três modelos Targa (vermelho, branco e azul) e outra novidade, um Miura modelo 82 (preto) contendo as últimas alterações estilísticas internas e externas que o modelo sofreria antes da sua descontinuidade como, por exemplo, as lanternas traseiras do Chevette e retrovisores externos de fibra incorporados à porta. Outro fato digno de nota é a presença do computador de bordo (check control) no Targa, ele não possuía sintetizador de voz mas já anunciava o grande salto tecnológico que a marca daria nos anos seguinte.

Miura 82


Folder de divulgação da linha 82 distribuído no salão (frente).

Folder de divulgação da linha 82 distribuído no salão (verso).

XIII Salão do Automóvel de São Paulo – 1984



O 13° Salão do Automóvel (9 a 18 de setembro de1984), que comemorava 25 anos de realização dos Salões do Automóvel e o 15° milionésimo veículo produzido no Brasil, passou para a história como o "Salão do Otimismo". Neste ano é lançado o Miura Saga, o Grand Turismo esportivo que consolidou a marca como símbolo de sofisticação e alta tecnologia. Além do interior de excelente qualidade e acabamento, o modelo possuía um microcomputador com sintetizador de voz para advertência ao motorista de uma série de funções vitais do veículo, que tornou-se um dos itens mais característicos da marca, frigobar e rodas exclusivas com freios a disco dentre outro itens. O Saga do salão ainda possuía maçanetas logo depois substituída pela abertura por controle remoto. Estavam presentes também os modelos Spider, lançado no ano anterior e Targa, ambos incorporando a nova motorização VW AP 800.







XIV Salão do Automóvel de São Paulo – 1986







A ausência das montadoras grandes e uma ampla mostra de carros estrangeiros foram uma das características do 14° Salão do Automóvel (3 a 12 de outubro de 1986), que contou apenas com o patrocínio da Abipeças e do Sindipeças, sempre conscientes da importância da mostra. A ANFAVEA, associação das montadoras, considerou que a conjuntura econômica inviabilizava a participação. Para os 400 mil visitantes, as grandes atrações foram os 59 carros estrangeiros do ano que mostraram ao grande público os avanços tecnológicos da indústria automobilística de países como EUA, Grã Bretanha, Itália, França, Alemanha, Japão e Coréia do Sul. As novidades nacionais ficaram por conta dos fora-de-série. A Besson,Gobbi S.A lançava seu sétimo modelo, o 787 que ostentava o famoso neon nos parachoques e as rodas “estrela” que foram usadas em todos os modelos da fábrica neste ano e nos seguintes. Em um salão dominado pelos mais modernos carros importados, o 787 foi escolhido pelo público como o “carro preferido nacional”, ficando em terceiro lugar na classificação geral, precedido pela Ferrari 328 GT e do Lotus Spirit. 


Conheçam um pouco mais do 787 assistindo ao vídeo postado por Wander Tavares  da matéria exibida no Globo Repórter:
(Obs:Todos os Miuras usaram mecânica VW. O 787 da matéria tinha motor AP 800.)


http://www.youtube.com/watch?v=r_xRntxiU8I



XV Salão do Automóvel de São Paulo – 1988


O Salão do Automóvel e Autopeças 1988 (13 a 23 de outubro de 1988), a 15ª edição, é considerado o marco da introdução da eletrônica embarcada no carro brasileiro. Quase 330 expositores — 17 montadoras, 200 fabricantes de autopeças e 40 fora-de-série — mostraram seus produtos para mais de 500 mil visitantes. A Besson,Gobbi S.A. lançava a reestilização do Saga, também conhecido como Saga II, um “esportivo social” que mantinha a mesma sofisticação e conforto para quatro passageiros do modelo anterior com ainda mais tecnologia, como o piloto automático. O Saga II do salão ainda apresentava o vidro traseiro tripartido, depois substituído por um vidro único. Também presente o modelo X8, lançado um ano antes na V Feira Nacional de Transporte - Brasil Transpo`87 e a grande sensação nacional do salão anterior, o 787. Todos os modelos foram equipados com o motor AP2000.
 

Miura Saga II (Vidro tripartido) - Modelo 89




 
Miura Saga II (Vidro tripartido) - Modelo 89
 
Miura X8 (Vermelho Transparente/Interior gelo) - Modelo 89

 
Miura X8 - Modelo 89


Miura 787 - Modelo 89




XVI Salão do Automóvel de São Paulo – 1990


Os 711 mil visitantes do Salão do Automóvel e Autopeças 1990 (1 a 11 de novembro de 1990), perceberam que, com sua 16ª edição, o evento se internacionalizara definitivamente, ao mesmo tempo que mostrava uma indústria nacional totalmente apta para a concorrência mundial. O número de visitantes só não foi maior face ao enorme engarrafamento de trânsito nas proximidades do Parque Anhembi que teria impedido o acesso, segundo estimativas, de mais 200 mil pessoas.  As atrações do Salão foram certamente os carros estrangeiros, responsáveis pelo grande afluxo de público e que decoravam os estandes das montadoras de origem estrangeira.  Entre as nacionais, destacaram-se os fora-de-série, como sempre. A Besson,Gobbi lançou o X11, o seu décimo primeiro, e derradeiro, modelo esportivo.

Além do X11, participaram do salão o modelo TopSport, o primeiro automóvel do Brasil a utilizar o freio ABS , lançado na VI Feira Nacional dos Transportes de 1989 - Brasil Transpo 89, e o Saga II, lançado no salão do automóvel anterior, agora com vidro traseiro inteiriço. Todos os modelos tinham disponíveis freios ABS, retrovisor fotocrômico, piloto automático e motorização AP2000 com injeção eletrônica


Miura Saga II (Vidro traseiro único) - Modelo 91

Miura TopSport i.e. - Modelo 91

Miura X11 i.e. - Modelo 91

Lamentavelmente, para os fãs da marca, esta seria a última participação da fábrica no salão do automóvel de São Paulo. A abertura do mercado aos automóveis importados em 1990, acompanhada da falta de incentivos do governo brasileiro aos fabricantes de carros fora-de-série e o alto custo de produção foram fatores decisivos para o declínio das vendas dos modelos Miura que em 1992 encerraram sua produção de esportivos optando pelo segmento de utilitários de cabine dupla (BG Truck). 

É importante refletirmos sobre o resultado de uma das perguntas feitas aos visitantes deste salão, em pesquisa realizada pela revista "Quatro Rodas", a respeito do novo cenário que o mercado de automóveis brasileiro apresentava. Será que uma política industrial adequada ao pequeno fabricante de automóveis brasileiro não poderia ter mudado o final dessa história?




Externamos nosso respeito e admiração aos senhores Aldo Besson, Itelmar Gobbi e todos aqueles responsáveis pela realização do sonho “Miura”.

Informações/Fotos: Gerência de Comunicação Reed Exhibitions Alcantara Machado (Salão do automóvel), Revista Quatro Rodas, Revista Auto Esporte, Sr. Roberto Gobbi, Sr. Enio Brandenburg, Sr. Wander Tavares, Sr. Dario Faria, Sr. Hugo Bueno e Miura Clube RJ .

Um comentário:

  1. Olá pessoal! Realmente foram grandes lançamentos, essas fotos são espetaculares! A respeito do modelo BG Truck, existe alguma foto ampliada da pick-up apresentada no Salão do Automóvel?
    []'s

    ResponderExcluir